Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Carola Ponto e Vírgula

Carola Ponto e Vírgula

29segundos.jpg

 

 

Olá pessoal, como vai esse Outono em termos de leituras? Eu hoje venho falar da minha segunda leitura deste mês: “29 Segundos” de T.M. Logan, editado em Portugal pela HarperCollins Ibérica.

A história centra-se em Sarah que depois da boa acção de salvar uma menina recebe uma oferta do pai desta menina, no mínimo, estranha:  uma chamada, um nome e essa pessoa desaparece. A oferta é demasiado tentadora para o comum dos mortais, imaginem para Sarah que se vê assediada (de todas as maneiras e mais alguma) pelo seu chefe.

 

1.png

 

 

O chefe de Sarah, Alan Lovelock (a originalidade deste apelido é qualquer coisa…), é um como tantos que ultimamente temos visto nas notícias: uma personalidade famosa, respeitada, poderoso, mas que no fundo não passa de um tarado, porco, que abusa do seu poder e estatuto para assediar muitas daquelas que dependem da sua avaliação para poderem manter o seu emprego. A sua mais recente vítima é Sarah.

 

2.png

 

Com isto tudo a acontecer, Sarah que por acaso ajuda a salvar a tal menina, vê-se com esta oferta, a que o pai da menina chama uma dívida, e que deve ser paga. Sarah é uma personagem em si mesma, porque mesmo a sofrer os horrores que sofre às mãos de Alan, ainda equaciona tudo o que não deveria equacionar, como ceder aos desejos nojentos do seu chefe, apresentar queixa sobre ele (mesmo sabendo que o sistema está viciado em favor dele) e finalmente, mas de forma muito relutante, aceitar a oferta que lhe foi feita pelo pai da menina.

 

 

3.png

 

Devo dizer que a única coisa que não gostei foi de o “enquadramento” inicial até chegarmos ao o dia do salvamento da criança, que era o ponto de partida da sinopse. Achei que demorou muito e ao início andei ali um bocado “aos papéis” a tentar perceber que relevância iria ter tudo aquilo para o resto da história. Compreendo que era necessário apresentar algumas personagens e o todo o cenário de assédio constante, mas achei demasiado demorado até começar a acção a sério.

 

4.png

 

Mas assim que arrancou… foi muito bom, com mistério, intenso, com reviravoltas inesperadas, sempre com a mesma luta interior de Sarah entre o que é legal e o que é certo, tudo isto eu adorei. E quando pensei que o assunto estaria resolvido, para variar, estava enganado. E depois quando pensei que a desgraçada da Sarah estava condenada, fui enganado outra vez. Mas desta última vez gostei de ser enganado, porque o final é um plano de génio!

 

5.png

 

Tendo tudo isto em conta, dei a este livro 4 estrelas no Goodreads e recomendo-o para quem é fã de thrillers, como eu. Vocês, já leram este livro? Gostaram? O que mais vos surpreendeu? Qual é a vossa leitura actual? Vamos lá, comentem, boas leituras a todos e até à próxima!

 

6.png