Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Carola Ponto e Vírgula

Carola Ponto e Vírgula

Um Pequeno Favor

 

 

Olá bem-vindos a mais uma sexta-feira, desta vez um feriado e tudo! Hoje no 6a-em-Série falamos pela primeira vez de um filme. “Um Pequeno Favor”, estreou em Portugal a 20 de Setembro e eu fui vê-lo no fim-de-semana passado.

Este filme conta com Anna Kendrick (Pitch Perfect, Twilight, The Accountant) e Blake Lively (The Town, Série Gossip Girl) nos papéis principais. Temos logo duas personagens completamente opostas: de um lado uma mulher, viúva, muito bem-comportada, youtuber de receitas culinárias, chamada Stephanie Smothers (Anna Kendrick). Do outro lado uma mulher de negócios, casada, mais misteriosa de Seu nome Emily Nelson (Blake Lively). Em comum têm os dois filhos, que estão na mesma escola e são grandes amigos. Daí surge a nova amizade entre as mães, até ao desaparecimento de Emily, que deixa Stephanie preocupada e pronta para ir e busca de respostas para aquele desaparecimento tão repentino.

 

 

 

 

 

Personagem Favorita:

 

Stephanie Smothers.jpg

 

Claramente aqui só podia ser Stephanie Smothers. A personagem de Anna Kendrick é a que mais muda desde o início do filme. Primeiro uma santa, que não fazia mal a uma mosca, passando por uma “Brother-Fucker”, acabando transformada numa mulher confiante que consegue resolver todo o mistério e ainda sair por cima.

 

Pior Personagem:

Blake Lively.jpg

 

Não será estranho se aqui a escolha for evidentemente para Emily Nelson, interpretada por Blake Lively. A maneira como planeia tudo, e pior de tudo, a forma como faz tudo o que faz de forma fria, calculada, sem olhar a meios para que o seu objectivo seja atingido. É arrogante ao ponto de pensar que tem tudo sobre controlo e como todos que agem assim acaba por pagar a factura quando pensava já ter o jogo ganho.

 

Momento Marcante:

Temos alguns bons momentos e para quem viu o filme até pode atribuir a esses momentos uma maior importância. O momento “Brother-Fucker”, o filho de Emily ter dito que viu e falou com a mãe ou o momento em que finalmente Stephanie consegue virar o jogo a seu favor.

Ainda assim, na minha opinião o momento que me lembro como mais marcante foi quando Stephanie depois de limpar completamente o closet de toda a roupa e sapatos da sua, agora falecida, melhor amiga, foi ás compras e quando regressou, toda a roupa e sapatos de Emily aparecem como se nada fosse, deixando Stephanie com a certeza de que as piores suspeitas se confirmavam e algo de muito errado havia naquela história.

 

 

Classificação IMDB: 7,2

 

A minha classificação (de zero a dez): 7

Foi um filme bom, com algumas surpresas de que não estava à espera e com bom ritmo para o desenrolar da acção e para algum desenvolvimento das personagens, pelo menos das principais. É um filme que dá para passar bem o tempo e do qual gostei.

 

Agora, espero que também vocês tenho gostado de ler este post, e que voltem sempre!