Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Carola Ponto e Vírgula

Carola Ponto e Vírgula

De: Mim

Para: Ricardo Robles

 

ricardo robles.jpg

 

 

Senhor Ricardo Robles venho por este meio apresentar-lhe o meu apoio, desejando que não desanime, os génios são sempre incompreendidos.

Um homem que há quinze dias era um perfeito desconhecido para 95% da população nacional, é ao dia de hoje um fenómeno conhecido por todos e de quem toda a gente fala. Se isto não é de um génio da valorização, neste caso pessoal, então não sei o que será…

Confirmo que andei a recolher informações (vulgo, vasculhar) a respeito das suas habilidades no que à valorização diz respeito e é mesmo por isso que o estou a contactar.

O assunto que trago aqui refere-se a um imóvel que eu tenho que, sejamos sinceros, só alguém com a sua capacidade deverá conseguir levar a bom porto. Bem sei que o negócio do qual todos falam, não é só seu, se preferir e até para evitar alguns constrangimentos, pode deixar o assunto entregue a algum familiar, maior de idade, do sexo feminino. Está visto que a vossa família assim que mete as mãos no negócio é sempre a subir!

Não lhe vou mentir, estou esperançoso, com a família Robles ao comando é impossível eu sentir-me preocupado ou rob(l)ado e embora estejamos a falar dum imóvel do qual eu não consigo fazer nada e mesmo estando a oferecê-lo, ninguém o quer. Confio em vocês! Vocês não são uma geringonça qualquer que anda por aí perdida sem saber se reclama dos despejos ou da especulação, ou se investem num bloco, claro está, imobiliário!

Para quem conseguiu valorizar um imóvel de 347 mil euros e, com umas pequenas obras, o transformou num prédio de 5,7 milhões de euros, tratar aqui do meu imóvel “entre pernas”, com a sua genialidade imobiliária isto já podia valer qualquer coisa (nem que fossem três minutos de diversão, pelo menos para mim).

Relembro que seria essencial que todas as obras e manutenção fossem verificadas por alguma das mulheres (sempre maior de idade) dessa família rainha na valorização de imóveis, com vista a uma venda em alta deste mal-amado imóvel! Por favor tu és a minha última esperança, não me Rob(l)es uma felicidade dessas!