Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Carola Ponto e Vírgula

Carola Ponto e Vírgula

 

De: Mim

Para: Pai Natal

 

Pai Natal.jpg

 

 

Querido Pai Natal, eu sei que ainda estamos longe da tua época de trabalho árduo, mas existem duas razões para te escrever neste preciso momento: Primeira, é certo que só alguém com uma doença mental muito grave (ainda que não tenha sido diagnosticada por um médico) se ia lembrar de te escrever em Agosto. Pronto, eu sou esse alguém!

Segunda, escrevo-te hoje porque me tens falhado constantemente as entregas que te peço em Dezembro (principalmente o euromilhões e as meninas jeitosas), por isso pensei que era melhor escrever com antecedência e ser logo um dos primeiros a ser atendidos.

Sendo assim cá vai o meu pedido: quero que acabes com o Verão!

 

Ah tu não realizas desejos?! “Só” dás prendas?! Ok, então ou reformular: quero que no espaço de tempo compreendido entre 21 de Junho e 23 de Setembro de cada ano, me dês (aqui está, um presente) temperaturas do ambiente nunca superiores a 35ºC. Assim já serve?

 

dragon ball.jpg

Queres ver que tenho que ir buscar este?

 

Passo a explicar: eu já me estava a habituar a este tempo ameno que nem aquecia nem arrefecia, mosquitos nem vê-los, de dia já dava para andar só de t-shirt e as noites já davam para uma esplanada à bruta!

E como eu, até os governantes do meu país e a Proteção Civil, já andavam todos fanfarrões a vangloriar-se de que, até determinada data, a área ardida era a menor da última década. Até parece que aquilo que eles dizem é para cumprir… e eis senão quando…

Falam os fanfarrões e, quase de imediato, aparece o Verão a dar um arzinho da sua graça e mete, de novo, Portugal a arder em vários pontos, mas com um enorme incêndio em Monchique.

 

Já o Boss AC pedia e nada...

 

E é por isto que eu te peço que acabes com o Verão porque já está visto e provado que neste país ninguém quer levar a protecção da floresta a bom porto. É ver quando ocorre um incêndio: “a nossa prioridade é salvar a população, os animais, e depois se possível as habitações”. A floresta?! Essa não interessa para nada, deixa arder… quero ver é como vamos respirar sem florestas a produzir oxigénio, mas isto sou eu que não percebo nada disto.

Havia aí um ditado… como é que era… ah… mais vale prevenir que remediar. Por isso, meu querido Pai Natal, é que eu já te estou a pedir antecipadamente para prevenires a chegada do Verão de 2019. Vá lá eu digo à Mãe Natal que foste um bom menino! Feliz Natal

P.S.: Se me puderes mandar o euromilhões e uma moça jeitosa, até deixo de beber Pepsi! 

 

irina mãe natal.jpg

Mãe Natal (Deus me valha), olhe o Pai Natal portou-se...

(preencher conforme os meus presentes este Natal)